CONTATO | SIGA A SBC

Atualmente, vivemos em um mundo tecnológico, no qual grande parte da população está conectada à Internet através de smartphones, tablets e computadores. As pessoas em geral usam, e muitas delas são dependentes, de tais dispositivos e computadores e dos softwares que acompanham seus usos. Contudo, observa-se que grande parte das pessoas tem a pré-concepção que a Computação não é para todos, que seus fundamentos são difíceis demais para qualquer pessoa. Embora as gerações venham mudando ao longo do tempo ainda há um longo caminho a se percorrer para demonstrar à sociedade o real valor do pensamento computacional. Hoje, a conhecida geração Z, àquela que muda de um canal de interação para outro - da televisão para a Internet, da Internet para o telefone, do telefone para o videogame - demonstra facilidade na captura e interpretação da diversidade de informações destes meios. Porém, poucas pessoas (mesmo entre os adultos) conhecem como os computadores funcionam e as habilidades transversais que podem ser desenvolvidas através de seu uso consciente. Engana-se quem imagina que a geração Z conhece a Computação como ciência. A geração Z conhece muito bem como usar os recursos produzidos pela Computação.

Mas será que é possível ensinar os fundamentos da Ciência para Computação para a sociedade? Sim, e é uma tendência mundial já adotada por diversos países. O sentido de "inclusão digital" está indo além do trabalhar no uso e chegando ao usar e entender de forma contextualizada esse uso. O propósito principal é introduzir o pensamento computacional situado no contexto de vida das pessoas a partir de atividades que façam sentido para elas. Através de atividades lúdicas, busca-se motivar o desenvolvimento de habilidades inerentes ao raciocínio lógico, como a interpretação, a simplificação e resolução de problemas, ao trabalho em equipe, a concentração nas atividades, a criatividade e abstração de conceitos. As estatísticas apresentadas na introdução destacam que deve-se direcionar o olhar para como trabalhar o pensamento computacional em diversos públicos na sociedade.

O projeto Computing to You! tem por objetivo motivar e viabilizar a execução de atividades que disseminem para sociedade em geral a criatividade através do pensamento computacional. Embora o objetivo do projeto, a longo prazo, seja atingir diversos ramos da sociedade, atualmente as atividades desenvolvidas tem se focado no seguintes públicos: crianças, adolescentes e professores do ensino básico (fundamental e médio) e mulheres que desejam atuar ou atuam na área de tecnologia.

 

 

Coordenadoras: Luciana Aparecida Martinez Zaina e Tiemi Christine Sakata
E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. e Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Tel: (15) 32297422 e (15) 32297522
Página do projeto: http://uxleris.sor.ufscar.br/c2y