CONTATO | SIGA A SBC

Este documento apresenta para chancela da Sociedade Brasileira de Computação o projeto Computação para Todos, desenvolvido por pesquisadores de Ciência da Computação e de Pedagogia da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. O projeto recebeu duas turmas de dez alunos até o momento (total de vinte alunos), em dois momentos distintos, com sequências didáticas diferentes, e com o objetivo de desenvolver uma metodologia para o ensino de Pensamento Computacional. As turmas eram heterogêneas e continham crianças com Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH), deficiência intelectual, autistas e com superdotação/altas habilidades. A equipe do projeto é multidisciplinar, contendo pesquisadores e bolsistas tanto dos Departamentos de Ciência da Computação como de Pedagogia, e esta característica foi a principal responsável pelo sucesso do projeto até o momento.
O objetivo principal deste projeto consiste em desenvolver uma metodologia para o ensino e estímulo de Pensamento Computacional a crianças do ensino fundamental, considerando a participação de crianças com deficiência intelectual, autismo e/ou superdotação/altas habilidades. Assim, nesta fase atual, o projeto prevê a oferta de 20 a 30 vagas em um curso de extensão que explorem a metodologia para o ensino de Pensamento Computacional, desenvolvida na primeira fase do projeto. As vagas serão oferecidas por meio de edital público com preferência para professores e pedagogos da rede pública. Contudo, estudantes dos cursos de Pedagogia e de Ciência da Computação da UFRRJ poderão se candidatar. Neste momento, este curso de extensão está sendo planejado e a previsão para sua implementação é o primeiro semestre de 2019.

 

 

Coordenador:

Luis Orleans (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)